Banco Best – Innovative & Award Winning One-Stop-Shop Website For Online Financial Services| High-Yield Savings & Online Banking | Funds, ETFs & Certificates | Stocks, Warrants, Forex, CFDs & Futures | Banco Best. Ao lado de quem vai à frente.
 
Ignorar ligação
Ignorar ligação
Ignorar ligação

Descubra as tendências e fique mais à frente

Com o Radar aceda a dados exclusivos sobre os mercados e performance de fundos de investimento.

Saiba o que marcou o mundo financeiro em Abril de 2024

  • Análise mercados financeiros
  • Performance
  • "Economia dos EUA não precisa (para já) de estímulos"

    Para que não perca de vista o que de mais importante se passou neste mês, destacamos de forma sucinta os principais acontecimentos que marcaram a economia global e os mercados financeiros.

    Destaques

    Fed: manteve os juros de referência inalterados em 5,25%-5,5%, em máximos de 23 anos, reiterando o seu compromisso de lutar contra a inflação, mas assinalando a falta de progressos na concretização do objetivo.

    BCE: manteve a política monetária inalterada, mas sinalizou um provável corte dos juros em Junho.

    BoJ: manteve a política monetária inalterada, com os juros de referência a permanecerem no intervalo 0%-0,1%.

    Facto do Mês:

    earnings season
    80% das empresas do S&P 500 já apresentaram os seus resultados 1Q’24, com 77% destas a reportaram lucros acima das expectativas. Tanto a percentagem de empresas que reportam surpresas positivas como a magnitude das surpresas nos lucros estão acima das suas médias de 10 anos.

    Ao nível da economia global, o mês foi marcado pelos seguintes fatores e acontecimentos:

    Economia Global

    EUA: PIB cresceu 1,6% QoQ anualizado no 1Q’24 vs. 3,4% no 4Q’23 e abaixo do esperado. Mas consumo privado ainda robusto. Em Março, o deflator do consumo pessoal subiu de 2,5% para 2,7% YoY (core estável em 2,8% YoY).

    ZONA EURO: índices PMI continuaram a sinalizar uma aceleração gradual da atividade no mês de Abril, liderada pelos serviços. Porém, o sentimento económico recuou, com uma deterioração inesperada da confiança empresarial.

    CHINA: PIB acelerou no 1º trimestre, (+1,6% QoQ e 5,3% YoY), superando de forma clara as expectativas. Os indicadores para Março sugerem, no entanto, alguma perda de momentum.

    O acompanhamento da evolução dos mercados financeiros, a par da diversificação de investimentos, é um pilar base para a construção de uma carteira de investimentos adequada. Saiba resumidamente o que marcou os diferentes mercados este mês.

    Mercados

    AÇÕES: ambiente de expectativa face à decisão do Fed relativamente ao corte das taxas de juro, num contexto de atividade económica resiliente e pressões inflacionistas persistentes, condicionou em baixa o mercado de ações, particularmente o do setor tecnológico. Contudo, a divulgação de resultados da earnings season tem sido positiva, com a grande maioria das empresas do S&P 500 a superarem as expectativas.

    OBRIGAÇÕES: mês marcado pelo novo adiamento das expectativas do mercado para o início da descida dos juros de referência pelo Fed, num contexto de indicadores de atividade e emprego relativamente robustos e de persistência de pressões ascendentes sobre os preços. Prosseguiu o movimento de desvalorização da dívida pública norte-americana e subida das respetivas yields, mais expressiva nas maturidades mais longas.

    CÂMBIOS: o iene intensificou o movimento de depreciação tendo fechado o mês a EUR/JPY 168,06, com especulação sobre a intervenção das autoridades no mercado. Já o dólar recuou ligeiramente em termos efetivos (-1,03%).

    MATÉRIAS-PRIMAS: o ouro interrompeu a trajetória de valorização, com a perceção de alívio de tensões no Médio Oriente e a expectativa de que as taxas de juro nos EUA se manterão elevadas por um período mais prolongado. Por esse mesmo motivo, o preço do petróleo fechou o mês relativamente estável (brent +0,4%), apesar de ter revelado alguma volatilidade durante o mês.

    Partindo da sua análise das condições de mercado a cada momento, o Banco Best estabelece a sua visão/posicionamento para cada classe de ativos. Na produção da presente informação não foram considerados objetivos de investimento, situações financeiras ou necessidades específicos dos clientes, não tendo existido na sua elaboração a adequação da informação a qualquer investidor efetivo ou potencial nem ponderadas circunstâncias especificadas de qualquer investidor efetivo ou potencial. A visão apresentada na presente informação reflete apenas o posicionamento do Banco Best. Não constitui uma recomendação de investimento e não pode servir de base à compra ou venda de ativos nem à realização de quaisquer operações nos mercados financeiros.

    Ligeiramente otimistas

    Ligeiramente
                                                                                        otimistas

    Liquidez

    Obrig. Gov. Europa

    Obrig. Investment Grade

    Ações Globais

    Investimentos Alternativos

    Neutral

    Ligeiramente otimistas

    Obrig. Gov. EUA

    Obrig. High Yield

    Obrig. Merc.Emergentes

    Ações EUA

    Ações Europa

    Ações Merc. Emergentes

    Ligeiramente pessimistas

    Ligeiramente otimistas
    Fundos selecionados: 0
    Comparar fundos

    Não é possível comparar mais do que 5 fundos

    Bea

    Ainda tem dúvidas? Nós ajudamos.

    Pergunte à sua assistente digital que está sempre disponível para o ajudar no seu dia a dia.