-Banco Best – Innovative & Award Winning One-Stop-Shop Website For Online Financial Services| High-Yield Savings & Online Banking | Funds, ETFs & Certificates | Stocks, Warrants, Forex, CFDs & Futures | Banco Best. Ao lado de quem vai à frente.
 
Ignorar ligação
Ignorar ligação
Ignorar ligação

Tendências

Saúde

A convergência da ciência e tecnologia no mundo moderno está a abrir portas a uma nova era de cuidados de saúde.

As nossas escolhas de investimento para si a partir de 100€

Simples e direto!
Só decide como o seu investimento será gerido:

show-more

Conhece a diferença entre Fundos e ETF?

Os Fundos de Investimento são, por norma, investimentos com gestão ativa em que investe numa carteira de ativos gerido por especialistas, podendo optar por diferentes estratégias.
Um ETF (Exchange Traded Funds) investe em réplicas de índices, não havendo intervenção na escolha dos ativos por parte de um gestor, pelo que são considerados de gestão passiva.
Por norma, dado que os fundos têm gestão ativa, a comissão de gestão dos fundos é mais elevada que a dos ETFs. Como os ETFs são cotados em mercado, têm custos de transação na sua compra e venda.

Rentabilidade atual

Retorno a 1 ano
Retorno a 3 anos
A rentabilidade apenas seria obtida se o investimento fosse efetuado durante a totalidade do período de referência.
Fundos
ETF

Simulação

Se em tivesse investido por cada Fundo e ETF
0,00€

O retorno num ano seria:
Rentabilidades passadas não garantem rentabilidades futuras. (1)

Os valores de retorno apresentados em moedas diferentes de EUR não estão calculados tendo em conta a taxa de câmbio atual.

Medidas de rendibilidade, calculadas em Euros, sendo a data final a indicada e a data inicial a mesma um ano ou três anos antes.

(1) As rendibilidades divulgadas representam dados passados, não constituindo garantia de rendibilidade futura, porque o valor das Unidades de Participação pode aumentar ou diminuir em função do nível de risco que varia entre 1 (risco mínimo) e 7 (risco máximo). O investimento no organismo de investimento coletivo pode implicar a perda do capital investido.

Os valores divulgados têm implícita a fiscalidade suportada diretamente pelos organismos de investimento coletivo. Na esfera do investidor, pessoa singular ou coletiva, recaem ainda impostos sobre os rendimentos distribuídos e mais-valias obtidas no resgate, conforme regime fiscal em vigor, descrito em detalhe na documentação legal do fundo.

Uma redução dos riscos de investimento pode ser alcançada através de uma abrangente diversificação dos investimentos por diferentes classes e tipos de ativos financeiros. O Banco Best considera que uma concentração superior a 15% do património depositado no Banco Best num único ativo financeiro, incluindo a aquisição/subscrição do presente produto, implica um acréscimo dos riscos de investimento.

A presente informação não dispensa a leitura do documento de Informação Fundamental ao Investidor e do Prospeto do fundo de investimento disponível neste site.

A presente comunicação tem um caráter meramente informativo e não deve ser entendida, em nenhuma situação, como uma proposta contratual, nem como uma recomendação de investimento. Eventuais informações sobre instrumentos financeiros têm um caráter padronizado e carecem de verificação das circunstâncias pessoais do investidor no momento da subscrição. Os Clientes deverão informar-se sobre as características do instrumento financeiro apresentado antes de qualquer decisão de investimento.

A informação relativa à identificação dos mercados de negociação e a indicação da forma de cálculo das unidades de participação encontram-se, entre outras, disponíveis no respetivo prospeto.

(2) Este fundo/ETF não apresenta histórico para cálculo de 1 ano.

(2) Este fundo/ETF não apresenta histórico para cálculo dos 3 anos.

Fundos selecionados: 0
Comprar

A revolução da medicina

Devido ao aumento da população envelhecida, crescente dependência da internet e pesada pressão nos recursos médicos e hospitalares, torna-se cada vez mais inevitável a integração dos avanços tecnológicos na medicina.

Desenvolvimento da telemedicina
Uma das consequências do Covid-19 foi o avanço galopante da telemedicina, como forma de responder às necessidades dos utentes, face ao medo generalizado do vírus e restrições de mobilidade. Agora, mesmo com o fim da pandemia, a telemedicina, veio para ficar, introduzindo uma disrupção no status quo e veio para ficar, atendendo aos benefícios para os pacientes e para os sistemas de saúde.

Em 2019, o mercado global da telemedicina foi avaliado em $61.40 mil milhões e espera-se que atinja $559.5 mil milhões até 2027, representando uma taxa de crescimento anual composta (CAGR) de 25,2%.


Fonte: Fortune Business Insights

83% dos pacientes esperam que a telemedicina continue após a resolução da pandemia

Esta projeção de crescimento é estimulada principalmente pela crescente disposição e intenção dos utentes para usufruírem dos serviços de telemedicina, em detrimento dos processos tradicionais. Na verdade, estudos de 2020 indicaram que 83% dos pacientes esperavam que a telemedicina continuasse após a resolução da pandemia, principalmente por motivos de conveniência e de poupança de tempo.

Além disso, a telemedicina permite melhorar a gestão dos recursos hospitalares, bem como da atenção dos médicos especialistas, sem aumentar as taxas de hospitalização. De facto, a telemedicina pode ser utilizada em casos ligeiros, onde os utentes podem ser auxiliados em locais remotos, ou em casos mais graves, sendo uma ferramenta essencial para a monitorização indubitável do quadro clínico dos pacientes.


Novos diagnósticos e tratamentos médicos

Nos últimos anos têm surgido tecnologias como o Mobile Health, cirurgia robótica, impressão 3D, medicina de precisão, nanotecnologia e IA, que podem ser utilizados para a investigação, diagnóstico e tratamento de doenças de forma mais precoce, barata e eficiente. De acordo com um artigo da Harvard Business Review, os cirurgiões treinados em realidade virtual aumentaram a sua performance e eficácia em 230%, comparado com os seus colegas treinados com métodos convencionais. Assim, este tipo de dados fomenta a confiança dos utentes na aplicação mais profunda da tecnologia nos seus tratamentos, pelo que se espera um declínio da procura por médicos com metodologias cirúrgicas mais antigas.

Além disso, o setor da saúde tem sentido bastante a emancipação dos utentes, relativamente à “automonitorização” da sua saúde. Atualmente, estão disponíveis no mercado diversos dispositivos de saúde, como sensores e health trackers, que, para além de controlarem a saúde dos portadores comodamente, também avisam as autoridades de saúde automaticamente em caso de desregulação do quadro clínico.

Áreas da medicina/saúde que a tecnologia está a revolucionar
Fonte: Top 5 Players in wearable medical device technology, Today's Medical Developments


Crescimento da medicina estética

O ramo da medicina estética tem ganho cada vez mais importância na sociedade, apresentando uma projeção de receitas com uma CAGR de 13,1% no mercado estadunidense entre 2022 e 2030. De acordo com um relatório da Fortune Business Insights, a ascensão da procura deste tipo de serviços justifica-se com o aumento generalizado de rendimento disponível, associado ao conhecimento solidificado sobre cirurgias estéticas não invasivas. Neste sentido, a fim de atingirem vantagem competitiva, é do interesse das clínicas de medicina estética apostar na inovação dos seus ativos tangíveis.

Empresas estão a expandir o seu core business, visando a área de saúde


Envelhecimento da população

Um dos fatores demográficos mais relevantes na evolução do setor da saúde é o envelhecimento da população. Em 2050, 20% da população mundial será representada por cidadãos com mais de 65 anos, pelo que surge a necessidade de garantir uma vida saudável e proveitosa a esta faixa etária, de forma a não prejudicar a capacidade produtiva dos países. Assim, várias empresas tem expandido o seu core business para área da saúde, oferecendo soluções e apps inovadores que criam valor para o ecossistema da saúde. Novos diagnósticos e tratamentos médicos


Estilo de vida e prevenção de doenças não transmissíveis

Um dos objetivos da Organização Mundial de Saúde (OMS) é o combate a doenças não transmissíveis, tais como doenças cardiovasculares, obesidade, diabetes, hipertensão e cancro, através da consciencialização do impacto de hábitos de vida pouco saudáveis. De acordo com o relatório da OMS, em média, este programa beneficia não só a comunidade, mas também a economia, pois, em média, por cada $1 investido em medidas de prevenção destas doenças, haverá um retorno de $7, oriundo do aumento da produtividade e longevidade saudável.


Estratégia de investimento

Os fundos e ETF dedicados ao setor da saúde incluem maioritariamente empresas de indústrias defensivas (indústrias com maior grau de resistência à volatilidade e ciclo económico).

Estamos assim a entrar na era da saúde 5.0 que reserva inúmeras oportunidades para o futuro. A infografia abaixo ilustra os estágios de evolução de muitas das tecnologias já em aplicação e em desenvolvimento na área da saúde e que, de forma sucinta, sustentam a nossa seleção desta temática de investimento.

Tecnologia e a sua implementação nos cuidados de saúde
Fonte: © Porsche Consulting | Medical Futurist