Banco Best – Innovative & Award Winning One-Stop-Shop Website For Online Financial Services| High-Yield Savings & Online Banking | Funds, ETFs & Certificates | Stocks, Warrants, Forex, CFDs & Futures | Banco Best. Ao lado de quem vai à frente.
 
Ignorar ligação
Ignorar ligação
Ignorar ligação

Descubra as tendências e fique mais à frente

Com o Radar aceda a dados exclusivos sobre os mercados e performance de fundos de investimento.

Saiba o que marcou o mundo financeiro em Junho de 2024

  • Análise mercados financeiros
  • Performance
  • BCE corta juros; Macron marca autogolo; Biden preocupa

    Para que não perca de vista o que de mais importante se passou neste mês, destacamos de forma sucinta os principais acontecimentos que marcaram a economia global e os mercados financeiros.

    Destaques

    BCE: corta juros em 0,25% para 3,75% (1ª descida desde 2009). O timing foi infeliz, dado a inflação ter subido em maio. Não sinalizou novas descidas, o mercado interpretou-o como um hawkish cut.

    Eleições em França: extrema direita venceu (33,15%), seguido da coligação de esquerda (27,99%), cenário de um Parlamento dividido reduz riscos de desequilíbrio orçamental.

    1º Debate EUA: Biden desilude, Trump avança nas intenções de voto para as presidenciais.

    Facto do Mês:

    Spread Oat- Bund 10 anos
    A instabilidade política em França, criada pela decisão de Macron de marcar eleições antecipadas, chegou a levar o spread da dívida francesa face à alemã, para maturidades a 10 anos, aos 0,82 bps na última 5ª feira de junho (um máximo desde 2012 e superior ao spread de Portugal).

    Ao nível da economia global, o mês foi marcado pelos seguintes fatores e acontecimentos:

    Economia Global

    EUA: confiança dos consumidores recuou em junho, de 101,3 para 100,4 pontos, face à deterioração da atividade, do mercado de trabalho e do rendimento. Vendas a retalho cresceram menos que o esperado (0,1% vs. 0,3% MoM).

    ZONA EURO: PMI industrial caiu para 45,6 pontos (mínimo de 6 meses), enquanto que o PMI Serviços deslizou para 52,6 (mínimo de 3 meses).

    CHINA: a inflação manteve-se em 0,3% YoY, enquanto os preços no produtor continuam com uma variação negativa (-1,4% YoY). Exportações aceleraram mais que o esperado em maio. Importações com abrandamento forte, ilustrando a persistência de uma procura interna débil.

    O acompanhamento da evolução dos mercados financeiros, a par da diversificação de investimentos, é um pilar base para a construção de uma carteira de investimentos adequada. Saiba resumidamente o que marcou os diferentes mercados este mês.

    Mercados

    AÇÕES: o S&P 500 e o Nasdaq voltaram a atingir novos máximos em junho, suportados pelo setor tecnológico, refletindo a reação positiva à inflação de maio. Por outro lado, o sentimento dos investidores em relação à Europa foi muito penalizado na sequência da instabilidade política em França, após o anúncio de eleições legislativas antecipadas (que incorporou riscos significativos de uma vitória da extrema direita e aumentou os níveis de incerteza e volatilidade de curto prazo).

    OBRIGAÇÕES: acentuada descida das yields da dívida dos EUA. A justificação está nos dados da inflação abaixo do esperado, o que reforça a expetativa de descida dos Fed Funds nos próximos meses. Destaque negativo para a forte subida das yields da dívida francesa, reagindo à convocação de eleições antecipadas, que disparou a incerteza com a situação política e fez muitos investidores refugiarem-se no bund alemão.

    CÂMBIOS: a instabilidade política em França levou o EURUSD para posições inferiores a 1,07. O iene permaneceu pressionado pela perspetiva de continuação de uma política monetária consideravelmente mais expansionista do BoJ relativamente à conduzida pelos outros principais bancos centrais.

    MATÉRIAS-PRIMAS: risco geopolítico continua a suportar os preços do petróleo. O cobre desvalorizou mais de 5%, regressando a valores de abril, pressionado pela apreciação do dólar e sinais de enfraquecimento da procura, pelo aumento dos stocks, designadamente na China.

    Partindo da sua análise das condições de mercado a cada momento, o Banco Best estabelece a sua visão/posicionamento para cada classe de ativos. Na produção da presente informação não foram considerados objetivos de investimento, situações financeiras ou necessidades específicos dos clientes, não tendo existido na sua elaboração a adequação da informação a qualquer investidor efetivo ou potencial nem ponderadas circunstâncias especificadas de qualquer investidor efetivo ou potencial. A visão apresentada na presente informação reflete apenas o posicionamento do Banco Best. Não constitui uma recomendação de investimento e não pode servir de base à compra ou venda de ativos nem à realização de quaisquer operações nos mercados financeiros.

    Ligeiramente otimistas

    Ligeiramente
                                                                                        otimistas

    Liquidez

    Obrig. Investment Grade

    Ações Globais

    Investimentos Alternativos

    Neutral

    Ligeiramente otimistas

    Obrig. Gov. Europa

    Obrig. Gov. EUA

    Obrig. High Yield

    Obrig. Merc.Emergentes

    Ações EUA

    Ações Europa

    Ações Merc. Emergentes

    Ligeiramente pessimistas

    Ligeiramente otimistas
    Fundos selecionados: 0
    Comparar fundos

    Não é possível comparar mais do que 5 fundos

    Bea

    Ainda tem dúvidas? Nós ajudamos.

    Pergunte à sua assistente digital que está sempre disponível para o ajudar no seu dia a dia.